Capuchino

Receitas de capuchino são encontradas aos montes na Internet, mas essa minha mãe (D. Cida) me ensinou a fazer quando saí de casa em 1972 e, desde então, nunca faltou em minha casa.

Agradeço a ela e, se gostarem, podem agradecer a ela também.

 

Carlos O. Paiva Santos

Material:

1 kg de açúcar
1 lata de leite em pó
5 colheres de Nescau (o chocolate do padre fica melhor)
1 “colher de café” de bicarbonato
1 vidro de 200 gramas de café soluvel

Preparo:

Misture tudo e bata aos poucos no liquidificador para o
pó ficar bem fino (ou, caso tenha pressa, então apenas misture bem).
Guarde em algum recipiente fechado, para evitar que a umidade o estrague.

Para servir:

Encorpado

1- Em uma xícara grande colocar o pó até cerca de 1/3 do volume.
2- Colocar um pouquinho de água bem quente e mexer até ficar uma pasta.
3- Adicionar mais água e mexer até misturar bem.
4a- Se gosta de chantili, pode adicionar um pouco de espuma e sobre essa espuma, adicionar um pouquinho de chocolate ralado.
4b- Se não gosta de chantili, adicione direto o chocolate ralado sobre o capuchino.

Atenção. Não deixe o café esfriar durante esse processo. Use uma xícara que retenha o calor por mais tempo.

Ou… se deixar esfriar, pode guardar na geladeira para tomar gelado depois.

Preparo rápido

Preencha meia xícara com o pó, adicione um pouco de água e mexa, caso não
tenha usado leite instantâneo. E depois adicione mais água e mexa. Agora é só beber.
Se usou o leite em pó instantâneo, pode colocar toda a água direto e mexer bem.

E, quando possível, pode convidar o pessoal de nosso La

b. Vamos gostar de experimentar.

E não adianta enviar outras receitas. Só iremos divulgar essa aqui. Essa ganhei da mamãe 🙂

Abs.

Carlos O. Paiva-Santos